BR048
Cerrados do Nordeste de Tocantins


Country/territory: Brazil

IBA Criteria met: A1 (2008)
For more information about IBA criteria please click here

Area: 1,296,041 ha

Protection status:

SAVE Brasil

Site description
A IBA é delimitada pelas rodovias TO010 (a oeste), TO226 (ao norte) e BR236 (ao sul), e pela divisa estadual Tocantins/Maranhão (a leste). Áreas tomadas por plantações no município de Campos Lindos, entretanto, estão fora desse polígono. Os índices pluviométricos da região atingem cerca de 1.500-1.700 mm anuais. A rede hidrográfica é formada principalmente pelos rios Manoel Alves Grande e Manoel Alves Pequeno, assim como seus diversos formadores. As cotas mais elevadas estão no trecho leste da área, onde se localizam as encostas da Serra Geral. No município de Campos Lindos encontrase o astroblema da Serra da Cangalha, resultante do impacto de um meteorito, um dos mais bem conservados do continente A vegetação inclui uma série de formações de cerrado, principalmente savana parque e savana arborizada, mas contando também com savana gramíneo-lenhosa (na porção sudoeste), matas de galeria e florestas estacionais. Os tabocais (bambuzais ou taquarais) aparecem isoladamente em meio à vegetação florestal Dentro da Terra Indígena Kraolândia há bons trechos preservados de cerrado, assim como grandes blocos de tabocas

Key biodiversity
O setor nordeste do Estado de Tocantins contém os maiores trechos preservados de Cerrado do país e abriga uma avifauna extremamente diversa Em 2006, Celeus obrieni (pica-pau-do-parnaíba) foi reencontrado nas proximidades da cidade de Goiatins, fato que constituiu uma das mais importantes descobertas ornitológicas dos últimos tempos Desde então, mais de 20 indivíduos foram encontrados, tanto ao sul quanto a oeste da Terra Indígena Kraós, inclusive um juvenil, indicando que ocorre a reprodução na área O interior da terra indígena ainda não foi amostrado, mas moradores locais relatam a presença de grandes extensões de tabocais, aparentemente o hábitat preferencial da espécie Os endemismos do Cerrado estão espalhados por toda a área. Porém, grandes populações de Charistospiza eucosma (mineirinho), Porphyrospiza caerulescens (campainha-azul) e Euscarthmus rufomarginatus (maria-corruíra), todas quase ameaçadas de extição, ocorrem nas proximidades da divisa com o Maranhão. Pequenos bandos de Anodorhynchus hyacinthinus (arara-azul-grande) foram observados nas proximidades de Goiatins e a leste da Terra Indígena Kraós.


Recommended citation
BirdLife International (2019) Important Bird Areas factsheet: Cerrados do Nordeste de Tocantins. Downloaded from http://www.birdlife.org on 18/10/2019.