BR026
Baixo Rio Javari


Year of compilation: 2008

Site description
A área localizase no extremo oeste da Amazônia brasileira, na divisa com o Peru, estendendose pelo baixo curso do rio Javari, a cerca de 40 km de sua confluência com o rio Solimões. O limite norte da área situase logo acima da confluência com o rio Quixito. O rio Javari caracterizase por seu curso sinuoso, ladeado por canais e lagoas influenciadas pela grande variação sazonal no nível das águas. A IBA inclui cerca de 30% da área da Terra Indígena Lameirão. A vegetação predominante é a floresta ombrófila densa aluvial, havendo uma faixa de transição e contato com a floresta ombrófila aberta.

Key biodiversity
As várzeas inundáveis do baixo curso do rio Javari e de um pequeno trecho adjacente do Solimões, na divisa com o Peru, correspondem ao extremo leste da área de endemismo Baixadas do Alto Amazonas-Napo (EBA066). Nas proximidades de Palmari foram encontradas três espécies representativas dessa EBA, todas restritas a hábitats ribeirinhos do rio Javari: Leuccipus chlorocercus (beija-flor-pintado), Myrmoborus melanurus (formigueiro-de-rabo-preto) e Heterocercus aurantiivertex (dançarino-de-crista-laranja). É possível que as várzeas situadas mais ao sul, além dos limites propostos para a IBA, tenham importância similar, mas presentemente não há levantamentos ornitológicos que suportem a inclusão dessas áreas. Outras espécies com escassos registros no país também habitam a região do baixo rio Javari, como Laterallus fasciatus (sanã-zebrada), Schistocichla schistacea (formigueiro-cinza), Myrmeciza melanoceps (formigueiro-grande), Thryothorus griseus (garrincha-cinza) e Cacicus latirostris (japu-de-rabo-verde) Nas áreas de transição entre florestas inundáveis e de terra firme ocorre Myrmotherula sunensis (choquinha-do-oeste), espécie rara encontrada somente no oeste amazônico. O primeiro registro confirmado de Steatornis caripensis (guácharo) no Brasil se deu em Palmari, junto à divisa com o Peru, através da descoberta de um exemplar em decomposição. Primolius couloni (maracanã-de-cabeça-azul), psitacídeo ameaçado que, no Brasil, é encontrado principalmente no Acre, também foi registrado na área.

Pressure/threats to key biodiversity
Não são conhecidas ameaças à área. Os desmatamentos são mais intensos na região de Benjamin Constant, logo a nordeste da IBA, e resultam da expansão de sua sede municipal.


Recommended citation
BirdLife International (2019) Important Bird Areas factsheet: Baixo Rio Javari. Downloaded from http://www.birdlife.org on 15/11/2019.